VALIDAÇÃO DE DISCIPLINAS

Como posso validar as disciplinas cursadas em outra instituição de ensino?

É preciso abrir um processo para este fim. Assim, dirija-se ao DAE – Departamento de Administração Escolar apresentando os seguintes documentos: (i) Histórico Escolar assinado e carimbado pela instituição de ensino (trazer original e cópia para autenticação); (ii) programas das disciplinas cursadas, com carga horária, assinados e carimbados pela instituição de ensino; (iii) folha complementar indicando a disciplina a qual requer a validação do curso da UFSC e a disciplina cursada em outra instituição, com respectivas cargas horárias.

No caso de disciplinas cursadas no exterior, durante intercâmbio, qual é o procedimento para solicitar validação?

No caso de disciplinas cursadas durante o intercâmbio, deverá, ainda, ser anexada, além da documentação descrita acima, a tradução do histórico e dos programas de disciplinas. É também recomendável anexar o Plano de Atividades aprovado pela Coordenadoria do Curso. Para facilitar o aproveitamento nestes casos, há disciplinas mais genéricas – como as chamadas “Tópicos Especiais” – que constituem disciplinas optativas do currículo. Estas não têm descrição da ementa porque o objetivo é facilitar a validação de conteúdo das várias áreas da engenharia de produção, além de permitir a oferta de optativas por professores de cada área sem a necessidade de criação de uma disciplina com ementa específica.

Quando a carga horária das disciplinas cursada em intercâmbio não é suficiente para validar uma disciplina da UFSC, de que forma posso aproveitá-las?

Além da equivalência do conteúdo é necessário que a carga horária seja igual ou superior àquela a ser validada na UFSC. Contudo, é possível reunir a carga horária de mais de uma disciplina, cursada durante o intercâmbio, para validar uma na UFSC.

Qual o trâmite do processo de validação?

O processo é encaminhado pelo DAE à coordenação de seu curso e encaminhada para os professores responsáveis pelas respectivas disciplinas a serem validadas. O professor avaliará as disciplinas cursadas e as comparará com as disciplinas do curso requeridas, considerando carga horária e conteúdo. Caso haja disciplinas de vários departamentos a serem validadas, o processo é encaminhado a cada um dos departamentos e ao final retorna ao DAE para registro das validações no histórico do aluno.

Como funciona o processo de validação de disciplinas cursadas na UFSC, quando ingresso em novo curso?

Da mesma forma, é preciso que o aluno abra um processo no DAE – Departamento de Administração Acadêmica solicitando a validação das disciplinas e junte: (i) histórico Escolar assinado e carimbado pela UFSC; (ii) folha complementar indicando a disciplina a qual requer a validação do curso da UFSC e a disciplina cursada, com respectivo códigos e cargas horárias.

Caso me matricule em disciplina da UFSC diferente daquela que consta no meu currículo do meu curso, posso pedir validação?

As disciplinas equivalentes na UFSC já estão identificadas no currículo do curso como tal, não havendo razão para cursar disciplinas diferentes. Só serão validadas no caso de ingresso no curso de aluno de outro curso da UFSC. Assim, observem com atenção quais são consideradas equivalentes para integralização no seu histórico, ou seja, aquelas que são reconhecidas como disciplina do curso. As demais são consideradas extracurriculares.

Podem ser alteradas as equivalências das disciplinas?

Somente são consideradas disciplinas equivalentes aquelas identificadas no currículo como tal. Qualquer outra, para ser considerada equivalente, deverá ser analisada por uma comissão e aprovada pelo Colegiado do Curso, pois isso constitui uma alteração no currículo. Isso é comum quando algumas disciplinas são modificadas ou atualizadas sendo as novas disciplinas consideradas equivalentes às antigas para não prejudicar os alunos que já cumpriram disciplinas.

O que  é necessário para a validação da disciplina optativa “Atividades Complementares”?

As atividades complementares poderão ser utilizadas para agregar créditos na forma de duas disciplinas optativas, EPS7036 – Atividades Complementares A e  EPS7037 – Atividades Complementares B, com carga horária equivalente a 54 horas-aula cada. Para obter tais créditos, o aluno deverá juntar os certificados obtidos na realização das atividades desenvolvidas, encaminhando-os à apreciação da Coordenação do Curso, para o devido registro e validação. As atividades consideradas para este efeito serão pontuadas em conformidade com a tabela abaixo, sendo que cada ponto corresponderá à uma hora-aula para fins de equivalência.

 

Alocação Unidade de Alocação Pontos
A Bolsista de Laboratório e/ou Grupos Por semestre 03
B Monitoria de Disciplina Por semestre 06
C Visita Técnica Supervisionada (com relatório) Por visita 03
D Publicação de Trabalhos em Eventos Técnico-Científicos Por artigo Até 30
E Participação em Atividades de Extensão Por projeto Até 20
F Desenvolvimento de Software para Suporte Educacional Por software Até 20

O aluno poderá obter os créditos correspondentes à disciplina optativa EPS7036  caso comprove a realização das atividades definidas no projeto pedagógico e alcance a pontuação mínima exigida em cada um dos itens abaixo, perfazendo um total mínimo de 54 pontos distribuídos da seguinte forma:

i)              20 pontos nas atividades A e B;

ii)             17 pontos nas atividades C e E;

iii)            17 pontos nas atividades D e F.

Para o aluno que obtiver o dobro ou mais em cada um dos itens acima, também poderá integralizar os créditos correspondentes à disciplina EPS7037.

As atividades D, E e F, quando desenvolvidas em grupo, deverão ter os pontos correspondentes divididos entre os alunos participantes. A atribuição dos pontos às atividades desenvolvidas deverá considerar, por parte do responsável acadêmico, a qualidade do desenvolvimento e o grau de dificuldade correspondente.